Protesto e espiritualidade unem entidades no Grito d@s Excluíd@s em Cuiabá/MT

Texto/fotos: Arlete Benitz (CEBs/Cbá e Pastoral do Migrante) e Gibran Lachowski (asses. comunicação CEBs/Reg. Oeste 2)

O Grito d@s Excluíd@s em Cuiabá/MT foi marcado por bastante mística, protesto e espiritualidade. O 7 de setembro começou às 15h no espaço cultural do CPA 2 e depois saímos pelas ruas do bairro para dizer NÃO a esse sistema que oprime e viola os nossos direitos de trabalhadoras/es, estudantes, professoras/es e tant@s outr@s mais. Confira galeria de fotos ao final da matéria.

Tivemos a participação de cerca de 200 pessoas de diversas entidades e iniciativas sociais. Entre elas as CEBs, o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), a Central Única dos Trabalhadores (Cut), a Intersindical e a Pastoral do Migrante. A União Nacional dos Estudantes (Une), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), a Pastoral da Juventude, as Juventudes do PC do B e do PT. Grupos LGBTs, de Mulheres, de combate ao tráfico humano e entidades em defesa de morador@s de rua.

Muitas reivindicações e críticas foram apresentadas durante a concentração na praça e na caminhada. Concurso público já! Luta contra a privatização dos Correios! Críticas ao governo Bolsonaro quanto à política social e questão ambiental. Críticas ao Ministério da Educação, que tenta dar um golpe na reitoria da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Também tivemos muita música, ciranda e palavras de esperança. O morador de rua Gelson Rodrigues de Moraes foi uma das pessoas que animou e emocionou a roda. “Muitas vezes somos discriminados e tratados de forma truculenta pela polícia. Somos seres humanos! Temos profissão, participamos da sociedade. E a sociedade tira essas coisas de nós. Mas eu acredito no meu Deus e no meu senhor Jesus, que uma hora as coisas vão melhorar”.

Tantas bandeiras e tantas lutas.

Finalizamos o Grito com uma belíssima celebração na paróquia Divino Espírito Santo, bairro CPA 2. A cerimônia foi presidida pelo pároco, padre Pedro Freitas, pelo secretário-executivo da CNBB/MT, padre Reinaldo Braga, e pelo seminarista Frebrianus Marchetti.

Essas atividades fizeram parte da Semana Social, assim como outras ações que ocorreram durante a semana em Cuiabá. Entre elas, o lançamento do relatório do Fórum de Direitos Humanos e da Terra de Mato Grosso e o Chá com Pão na praça (no centro da cidade).

Missa na paróquia Divino Espírito Santo.

Flickr Album Gallery Powered By: WP Frank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *