Destaque

Natal: em noite escura, seguir por outro caminho. Frei Gilvander Moreira

Natal: em noite escura, seguir por outro caminho. Frei Gilvander Moreira

- LESTÃO, Artigos, Destaque, Destaque News
Os magos romperam de uma vez por todas com Herodes, rei opressor, e com Jerusalém, cidade tratada como se fosse uma empresa. O sonho dos magos é a inspiração de que do poder opressor só nascem espinhos para a sociedade. Imersos em uma noite muito escura do capitalismo e dos golpistas – Brasil sob seu 7º golpe, consumado dia 31 de agosto de 2016, golpe parlamentar, jurídico e midiático -, eis, nós, novamente, em tempo de Natal e de virada de ano. Necessário se faz resgatar o sentido bíblico do Natal. Na Bíblia, no Evangelho de Mateus, em Mt 2,1-12, está a narrativa da visita de magos a Jesus, logo após seu nascimento, passagem exclusiva das comunidades de Mateus. Para Mateus foram os magos – sacerdotes de culto da natureza - os que, por primeiro, reconheceram a encarnação do divino no hu
Vivemos para nascer. Não somos apenas seres mortais. Somos seres natais. Marcelo Barros.

Vivemos para nascer. Não somos apenas seres mortais. Somos seres natais. Marcelo Barros.

Artigos, Destaque, Destaque News
É nossa tarefa no Brasil, sermos para o nosso povo os pastores que hoje vão a Belém e descobrem a salvação vinda dos pequeninos que representam Jesus. Reparto aqui com vocês as palavras que nessa noite de Natal partilhei com a comunidade de irmãos e amigos/as com os quais celebrei a ceia de Jesus na Igreja das Fronteiras: A mensagem que escutamos nessa noite de Natal é uma Boa Nova e ao mesmo tempo um chamado de Deus para nós. Não é mera repetição do que ocorreu em Belém. É consequência e prolongamento. Mas, a narrativa poética e simbólica do evangelho de Lucas nos mostra que a boa notícia de hoje ocorre dentro do mesmo modelo. Segue o mesmo padrão. Tem a mesma fonte. Como disse o papa Francisco: a fonte é um Deus apaixonado pela humanidade e que vem como Deus deitar-se em nossas palhas
NATAL: A REVOLUÇÃO DA TERNURA.   Tea Frigerio

NATAL: A REVOLUÇÃO DA TERNURA.   Tea Frigerio

Artigos, Destaque, Destaque News
Caríssimos companheiros. Caríssimas companheiras da caminhada, Natal é o evento que nos prepara com mais intensidade ao 14º Intereclesial das CEBs.  Então vos convido a parar comigo e refletir através de uns pensamentos de papa Francisco que expressam em modo profundo o mistério da Encarnação. “Na sua encarnação o Filho de Deus, convidou-nos à revolução da ternura” (88). Esta é uma força que conhecemos no contato com os outros: “Jesus quer que toquemos a miséria humana, que toquemos a carne sofredora dos outros. Espera que renunciemos a procurar aqueles abrigos pessoais ou comunitários que permitem manter-nos à distancia do nó do drama humano, a fim de aceitarmos verdadeiramente entrar em contato com a vida concreta dos outros e conhecermos a força da ternura” (270). O compromisso cris
Maria tem Pressa: Magnífica e Apressada – um poema rápido de natal-Nancy Cardoso Ribeiro

Maria tem Pressa: Magnífica e Apressada – um poema rápido de natal-Nancy Cardoso Ribeiro

Destaque, Destaque News
Maria tem pressa: aceitou ser mãe num tempo de império e cruzes.Jovem, grávida e solteira ela aperta o pano em volta dos ombros e pensa: “Deus está comigo, não vou ter medo”. Maria tem pressa: a insegurança de José - um seguro pai possível - pede agilidade e ela vai ao encontro da prima Isabel. Apressadamente. Ela precisa de parceria, cumplicidade e alegria, o que só uma outra mulher, nesses casos, sabe ser. “Bem-aventuradas”. Maria tem pressa: tece canções de ninar o filho com palavras que rimam com derrubar, dispersar e destronar; ela cantarola o sonho apressado dos humildes, dos pobres e famintos. Deus nunca mais foi o mesmo. Maria tem pressa: completa os dias de gestação no tempo em que os poderosos instauram leis de morte, controle e exploração. Empurrados pelo censo ela viaja co
Uma profecia de Natal: o 14o Intereclesial de CEBs. Marcelo Barros

Uma profecia de Natal: o 14o Intereclesial de CEBs. Marcelo Barros

14º Intereclesial, Artigos, Destaque, Destaque News
  Já se aproxima o tão esperado e desejado 14o Encontro intereclesial de Cebs.  O tempo de gravidez dessa celebração da vida, verdadeiro Advento novo para as Cebs está se concluindo. Com a graça divina e sob a força do Espírito Santo, o 14o Intereclesial será como um novo presépio de Belém no qual Jesus manifesta humano e irmão de toda a pessoa que, em meio ao sofrimento luta por sua libertação.  A festa de Natal não é uma repetição da história de Belém. Cada ano, em dezembro, os cristãos fazem memória do nascimento de Jesus para proclamar que Deus se manifesta na realidade humana. O amor divino mostrou-se vivo entre nós através de Jesus de Nazaré. Essa presença se atualiza cada vez que nos encontramos como irmãos e irmãs para testemunhar o amor divino pela humanidade, pela Terra agredi
37º Natal das Comunidades  “Natal é semear esperança em tempos difíceis”. CEBs Pernambuco 

37º Natal das Comunidades  “Natal é semear esperança em tempos difíceis”. CEBs Pernambuco 

- NORDESTÃO, Destaque, Destaque News
O tempo do Advento é para nós, tempo de preparação e alegria: estamos à espera do Menino Deus! É a Palavra que se faz gente, e vem dar testemunho de amor, partilha e inclusão dos pequenos. É a Palavra que vem alimentar nossa esperança de libertação. E neste ano, em meio ao difícil cenário das crises institucionais, políticas, econômicas e éticas, fomos desafiados enquanto CEBs no chão do agreste pernambucano a, com as Novenas de Natal e a celebração do 37º Natal das Comunidades, lembrar a todos que o “Natal é semear esperança em tempos difíceis”.  A novena foi preparada em mutirão com fatos que dão testemunho desse semear, histórias de pessoas, grupos, comunidades que movidas pelo amor ao Deus da vida lutam por justiça, e mostram que os sinais do Reino estão entre nós. Essas histór
Curso de formação em Juína (MT) destaca importância da mídia popular

Curso de formação em Juína (MT) destaca importância da mídia popular

- OESTÃO, Destaque, Destaque News
Rádios e tvs educativas devem se posicionar contra a concentração de poder da mídia em poucas mãos e a favor da diversidade de opiniões da sociedade. Essa foi uma das mensagens presentes no curso de formação comunitária e popular ofertado pela assessoria de comunicação das CEBs do Regional Oeste II a funcionários da rede Nazaré, em Juína, noroeste de Mato Grosso. O evento ocorreu no sábado (16) e domingo (17) no prédio que abriga os estúdios da rádio (89,5 FM) e da tv. Foi a primeira etapa de um projeto que vai se estender pelo ano que vem, já que a Direção Ampliada das CEBs no estado elegeu a comunicação como uma das prioridades para 2018. “Essa decisão tem o objetivo de contribuir com uma igreja em saída, em direção aos excluídos, cujo maior símbolo é Jesus de Nazaré”, disseram os
No Brasil  hoje, o que significa ser testemunhas da Palavra que se fez e se faz carne? Marcelo Barros

No Brasil hoje, o que significa ser testemunhas da Palavra que se fez e se faz carne? Marcelo Barros

Artigos, Destaque, Destaque News, Notícias
Pedro Casaldáliga: "Em cada um/uma de vocês, eu vejo Deus". É preciso que nos alegremos com essa presença em nós e vivamos de acordo com ela Cada um de nós tem experiência de ter encontrado pessoas que são para nós referências de vida. São pessoas que o próprio fato de tê-las encontrado e de ter convivido com elas nos mobiliza, nos transforma e parece dar um rumo novo à nossa vida. Vocês já encontraram gente assim? Talvez, de vez em quando seja bom lembrar quem, onde e quando... Ou será que toda vez que encontramos e sempre? Em um determinado evento, a gente se encontra com dezenas (às vezes, centenas) de pessoas. No entanto, teve uma que nos marcou...Essa pessoa foi para nós testemunha da Palavra, ou seja da Presença divina no mundo. O Evangelho desse domingo, tirado do prólogo de J
Aplanar o Caminho para Jesus.  José Antonio Pagola

Aplanar o Caminho para Jesus. José Antonio Pagola

- LESTÃO, Artigos, Destaque, Destaque News
Talvez, a maior desgraça do cristianismo é que haja tantos homens e mulheres que se dizem «cristãos» e em cujo coração Jesus está ausente. Não O conhecem. Não vibram com Ele. «Entre vós há um que não conheceis». Estas palavras são pronunciadas por João Batista referindo-se a Jesus, que se movimenta já entre os que se aproximam do Jordão a batizar-se, apesar de, todavia, ainda não se ter manifestado. Precisamente toda a sua preocupação é «aplanar o caminho» para que aquela gente possa acreditar Nele. Assim apresentavam as primeiras gerações cristãs a figura de João Baptista. Mas as palavras de João Batista estão escritas de tal forma que, lidas hoje pelos que se dizem cristãos, não deixam de provocar em nós perguntas inquietantes. Jesus está no meio de nós, mas conhecemo-Lo de verdade? Co