– OESTÃO

Paróquias promovem oficinas e celebração inter-religiosa sobre Consciência Negra em Cuiabá e Várzea Grande (MT)

Paróquias promovem oficinas e celebração inter-religiosa sobre Consciência Negra em Cuiabá e Várzea Grande (MT)

- OESTÃO
Equipe Comunicação CEBs/arquidiocese de Cuiabá  Paróquias de Cuiabá e Várzea Grande (MT)/Regional Oeste 2 organizam e mobilizam uma vasta programação referente à semana da Consciência Negra, com celebração inter-religiosa, oficinas, mesas de debate e atividades culturais. As ações começaram no dia 19 (terça-feira) e se encerram em 23 de novembro (sábado). A programação foi construída pelas paróquias de Cuiabá do Setor 5 (Sagrada Família, Divino Espírito Santo, Rosário e São Benedito, Coração Imaculado de Maria) e pela paróquia Nossa Senhora das Graças (Várzea Grande). Parceiros na realização das atividades: CEBs, Centro de Estudos Bíblicos (Cebi), Igreja Luterana, Movimento Negro de Mato Grosso, Igrejas de Matrizes Africanas (de Cuiabá) e Economia Solidária. O tema é “Celebrando his
Muito canto, dança, emoção e espiritualidade em celebração afro em Rondonópolis (MT)

Muito canto, dança, emoção e espiritualidade em celebração afro em Rondonópolis (MT)

- OESTÃO, Consciência Negra, Destaque
Equipe Comunicação CEBs/diocese de Rondonópolis-Guiratinga CEBs, pastorais sociais e movimentos populares da diocese de Rondonópolis-Guiratinga (MT)/Regional Oeste 2 comemoraram bastante o Dia da Consciência Negra (quarta-feira, 20). Foi momento de festa e reivindicação. Memória de lutas, dores e conquistas.  Confira galeria de fotos ao final. As atividades ocorreram no município de Rondonópolis, na Comunidade São Vicente de Paulo, bairro Vila Verde, paróquia São José Operário, a partir das 19h. Destaque para a celebração afro.  Muito canto com uso de voz, batuque, teclado, pandeiro e violão. Muita dança. Pessoas juntinhas, todas em círculo. Flores e enfeites. Encenações. Mãos dadas. Crianças, adolescente, adult@s, idos@s. Bênção à Nossa Senhora Aparecida. Leitura e reflexão
Assembleia Diocesana de Pastoral Rondonópolis-Guiratinga destaca importância do diálogo

Assembleia Diocesana de Pastoral Rondonópolis-Guiratinga destaca importância do diálogo

- OESTÃO, Destaque
Pascom Diocese de Rondonópolis-Guiratinga   “Comunidade Eclesial e missionária: ambiente de proximidade, comunhão, confiança no mundo urbano em transformação”.   A Diocese de Rondonópolis-Guiratinga realizou a 6ª Assembleia Diocesana de Pastoral depois da unificação Rondonópolis-Guiratinga numa só diocese com o tema: “Comunidade Eclesial e missionária: ambiente de proximidade, comunhão, confiança no mundo urbano em transformação”. As atividades ocorreram entre a noite de 14 de novembro e se estendeu até o meio-dia do dia 16. Sob a coordenação de Padre José Éder Ribeiro Lima, pároco da Catedral Santa Cruz e coordenador diocesano de pastoral, ajudado por Maria Aparecida Silva, e equipe de leigos e leigas, o mesmo fez abertura da Assembleia e convidou a todos para participar
Ajude a fazer o cartaz do 15º Intereclesial das CEBs. Participe do edital

Ajude a fazer o cartaz do 15º Intereclesial das CEBs. Participe do edital

- OESTÃO, 15º Intereclesial, Destaque
Texto: Gibran Lachowski (Assessoria de comunicação do Regional Oeste 2) Neste dia 15 de novembro aproveitamos para reforçar o convite a você para participar do concurso do cartaz para o 15º Intereclesial das CEBs. A arte do cartaz vai acompanhar todos os materiais de divulgação e formação do encontro e será uma importante ferramenta de diálogo com a sociedade. A escolha está próxima e será anunciada na reunião da equipe ampliada nacional das CEBs, em janeiro de 2020, em Mato Grosso. O Intereclesial será em 2022, em Rondonópolis (MT), Regional Oeste 2, mas desde já começamos a organizar este importante momento de reflexão e festa para as comunidades eclesiais de base. Queremos que mais e mais pessoas participem, colocando suas ideias e inspirações. O tema do 15º Intereclesial
Cristãos e Diversidade: acolhida a LGBTs, um ato de amor e respeito

Cristãos e Diversidade: acolhida a LGBTs, um ato de amor e respeito

- OESTÃO
Texto: Gibran Lachowski e Ana Paula Carnahiba (assessoria de comunicação das CEBs MT/Regional Oeste 2). Fotos: Cebi MT   A bíblia é uma carta de amor e não de morte. Ir além da lei dos fariseus e ficar com o amor. O amor salva. O respeito salva. Precisamos acolher a dor de nossas irmãs e irmãos. Essas foram algumas frases marcantes ditas durante a roda de conversa “Cristãos e a Diversidade: uma experiência de acolhida às pessoas LGBT”. A atividade ocorreu neste sábado (09) em Cuiabá, na sede do Centro de Estudos Bíblicos (Cebi)/Mato Grosso. Confira galeria de fotos ao final. A roda de conversa teve assessoria dos padres redentoristas Carlos Alberto Holanda Martins (Fortaleza/CE) e Helton Thyers Melo de Oliveira (Teresina/PI), que trabalham com grupos católicos de aco
Democracia: a luta contínua da Jornada Continental – Marilza Schuína

Democracia: a luta contínua da Jornada Continental – Marilza Schuína

- OESTÃO, Artigos, Destaque
Marilza J L Schuina, professora - Sintep/Cuiabá, CEBs e CNLB/MT Democracia, sim! Democracia, uma palavra, um regime, um sistema, um governo? Que importância tem a democracia na vida do povo? Os passos iniciais da democracia vão de pelo menos uns 300 anos (governo do povo) e ela continua sendo um desafio para a sociedade, de garantir para todos justiça, “liberdade, igualdade, solidariedade”, fraternidade. A democracia pressupõe participação popular nos processos sociais, pressupõe a construção da cidadania, pois no governo do povo todos têm direitos. O papa Francisco, com sua percepção da necessidade de ampliação das decisões políticas, com a participação de todos os envolvidos, disse no encontro com os Movimentos Populares em novembro de 2016: “Dar o exemplo e reclamar é um mo
O anel de tucum da santidade nossa de cada dia. Marcelo Barros

O anel de tucum da santidade nossa de cada dia. Marcelo Barros

- OESTÃO, Destaque
A primeira boa notícia de hoje é essa: há uma multidão incontável de testemunhas. Nem todo mundo se vende. Há muita gente que não se deixa comprar. Nesse domingo, no Brasil, a Igreja Católica celebra a festa de todos os santos e santas. É a festa na qual agradecemos a Deus por pertencer a essa comunidade dos santos e santas e escutar de novo o chamado divino para a santidade que hoje toma forma diferente de outros tempos. A primeira leitura proclamada nas celebrações de hoje é tirada do livro do Apocalipse (Ap 7) que fala do mundo como ele é. Em linguagem simbólica, o Apocalipse fala da degradação da sociedade, aprisionada por um projeto de prepotência que faz milhões de vítimas e além de destruir os pobres, destrói a Terra. No capítulo 7, um mensageiro divino manda que essas energias
15º Intereclesial será fonte iluminadora do Espírito Santo para as CEBs

15º Intereclesial será fonte iluminadora do Espírito Santo para as CEBs

- OESTÃO, Artigos, Destaque, Rumo ao 15º Intereclesial
Juvenal Paiva da Silva, das CEBs/MT, historiador e pós-graduado em Gestão Escolar   “Humano assim  como Ele foi, só podia ser Deus mesmo” (Leonardo Boff)   A cada dia que se aproxima o 15º Intereclesial das CEBs, grande compromisso de nossa fé cristã, em especial a nós, companheiros e companheiras da diocese de Rondonópolis-Guiratinga, por extensão a todos e todas do Regional Oeste 2, a ansiedade vai nos contagiando. O encontro está marcado para julho de 2022 em Rondonópolis. Através da corresponsabilidade e fé de nossos pais e padrinhos é que viemos a entender que a “(...) fé é como um farol que ilumina a razão humana, amplia seus horizontes e a torna capaz de enxergar melhor e mais longe. Em outras palavras, a fé dá à razão humana as condições de compreender –
O Sínodo continua na Amazônia e em todo o planeta Terra

O Sínodo continua na Amazônia e em todo o planeta Terra

- OESTÃO, Amazônia, Sínodo Pan-Amazônia
Aloir Pacini (padre jesuíta e assessor das CEBs/arquidiocese Cuiabá-MT) Desde os momentos prévios, enquanto Rede Eclesial Pan-Amzônica (Repam), enquanto Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e Comunidade Eclesial de Base (CEB), fui fazendo o esforço de estar a par dos acontecimentos e tive diversas oportunidades de auscultar as comunidades indígenas, ribeirinhas, quilombolas, as comunidades eclesiais de base que fazem a Igreja na Amazônia a respeito das expectativas que elas tinham em relação ao Sínodo da Pan-Amazônia e à Igreja Católica enquanto instituição mais ampla. Foi um lindo processo de comunhão. Sentamos juntos e conversamos sobre o que sonhamos para a Igreja aqui em Cuiabá e em todo o estado de Mato Grosso. As sensibilidades das pessoas são coisas que se guardam no
Outubro de 2019 – extraordinário é a missão! (Marilza Schuina)

Outubro de 2019 – extraordinário é a missão! (Marilza Schuina)

- OESTÃO, Destaque
Marilza J L Schuina, do secretariado executivo do 15º Intereclesial das CEBs “O Deus que me criou, me quis, me consagrou, para anunciar o seu amor” (Zé Vicente) Outubro de 2019 ficará conhecido como o “mês extraordinário missionário”. O desafio é possibilitar que os cristãos tomem gosto pela missão e queiram anunciar a Boa Nova do Reino e denunciar a tudo que é contrário ao Reino de Deus. Na Comunidade Nossa Senhora de Fátima, no bairro Santa Isabel, em Cuiabá/MT, um pequeno grupo de mulheres se dedicou à missão. Umas, já experimentadas na prática da visitação aos doentes e idosos, outras começando pela primeira vez, como a professora Waldirene Henrique Alexandre: “Confesso que sentia medo cada vez que pensava em levar a Palavra à casa das pessoas do bairro, porém quando decidim