– OESTÃO

Comunidades Eclesiais de Base do Regional Oeste 02

- OESTÃO
“ Em tudo amar e servir.” (Santo Inácio de Loyola)  No fim de semana (20 a 22/05/2016) as Comunidades Eclesiais de Base – CEBs do Regional Oeste II da CNBB, deram sequência ao compromisso assumido no 13º Intereclesial das CEBs, que é promover formação para liderança de forma permanente. Para atingir um maior número de participantes, os encontros de formação foram realizados simultaneamente em regiões diferentes, agrupando as dioceses mais próximas. No polo de formação envolvendo a Arquidiocese de Cuiabá e a Diocese de Cáceres, o encontro foi realizado na cidade de Acorizal, de 20 a 22 de maio e contou dom a participação de 65 pessoas. A assessora desse momento formativo, MarilzaSchuina, trabalhou no VER um resgate histórico e político até os dias atuais, baseados em fontes diversas e i

CARTA AO POVO DE DEUS

- OESTÃO
“O Cristo continua sendo crucificado no meio de nós!” Leia a Carta Oficial de Dom Neri José Tondello, Bispo de Juína/MT e Bispo referencial das CEBs Regional Oeste II: “OS POBRES POSSUÍRÃO A TERRA” Queridos diocesanos e diocesanas! Queridos irmãos e irmãs na fé. Anuncio com muita tristeza e com profunda dor o assassinato de nove (9) pessoas na Região Noroeste do Estado de Mato Grosso, Município de Colniza, Distrito de Guariba, Gleba Taquaruçu. O Cristo continua sendo crucificado no meio de nós! Homens trabalhando, pais de família em busca do pão nosso de cada dia. Era quarta feira 19 de abril, por volta das 16 horas. Lamento esta atrocidade. Nossa região bela da Amazônia foi novamente manchada com derramamento de sangue. A região está em processo de emancipação. Por ora ocupada em re

“Conclamamos as autoridades competentes, em todos os níveis, a urgente apuração dos fatos e aplicação da justiça aos responsáveis por esta chacina”

- OESTÃO
Leia a Carta Oficial de Dom JuventinoKestering, Bispo de Rondonópolis-Guiratinga/MT: NOTA DE  INDIGNAÇÃO E REFLEXÃO Rondonópolis, 22 de abril de 2017. Aos irmãos e irmãs das Comunidades Cristãs e à Sociedade, É com pesar e indignação que tomamos conhecimento de mais uma atrocidade cometida contra trabalhadores rurais ocorrida no último dia 20 de abril na comunidade de Taguaruçu do Norte, área rural do município de Colniza, Diocese de Juína-MT, na qual foram assassinadas brutalmente nove pessoas. Além destes homicídios há pessoas feridas e desaparecidas como resultado da violência que impera na região pela disputa de terras, a ausência do estado e de uma política fundiária injusta e desigual. Não se trata de um episódio isolado. No último dia 15 de abril, a Comissão Pastoral da Terra,
A caminho para lembrar quem deu a Vida pelo Reino

A caminho para lembrar quem deu a Vida pelo Reino

- OESTÃO, 14º Intereclesial
Publicado em 14/07/2016 às 09h10 Por Luis Miguel Modino Martínez A cada cinco anos, em uma pequena cidade do interior do mato Grosso, acontece um dos momentos mais esperados pela Igreja de Base brasileira. É a Romaria dos Mártires da Caminhada. Esta é a terra onde tem vivido Dom Pedro Casaldáliga, um daqueles que seguindo os passos de Medellín quiseram fazer realidade o novo jeito de ser Igreja nascido do Vaticano II, uma Igreja pobre e oara os pobres, profética, samaritana.  Quem apostou por esta forma de concretizar o Evangelho na América Latina pagou as conseqüências, muitos com o martirio, outros com a perseguição aberta. Foram muitas as vidas entregadas pelo Reino, pelo que fazer memoria destes mártires é um dever para quem vive sua fé como discípulo de Jesús de Nazaré. Por isso nest
Romaria dos Mártires da Caminhada, sinal de esperança

Romaria dos Mártires da Caminhada, sinal de esperança

- OESTÃO, 14º Intereclesial
Romaria dos Mártires da Caminhada, sinal de esperança Publicado em 21/07/2016 às 09h04 Romaria dos Mártires da Caminhada, Sinal de Esperança Para Um Povo que Luta Pelo Reino  Por Luis Miguel Modino e  Leoni Alves Garcia Uma das frases mais conhecidas de Dom Pedro Casaldáliga é aquela que diz: “Minhas causas valem mais que minha vida”. Para o profeta do Araguaia isso não é só uma frase bonita e sim um jeito de viver que o leva a estar presente e fazer memória do que tem feito parte de sua vida, lutar pela justiça como profeta que se coloca ao serviço para criar um mundo melhor para todos e todas. A Dom Pedro Casaldáliga aos 88 anos se une seu “irmão Parkinson”. Mas isso, mesmo sendo uma limitação, um impedimento para muitas pessoas, não lhe fez desistir de estar presente numa nova edição
Romaria dos Mártires da Caminhada

Romaria dos Mártires da Caminhada

- OESTÃO, 14º Intereclesial
Publicado em 31/07/2016 às 22h09 ROMARIA DOS MÁRTIRES DA CAMINHADA: MEMÓRIA, PROFECIA E COMPROMISSO “Ribeirão bonito, Cruz do Padre João, Alta Cascalheira, gentes do sertão. O suor e o sangue fecundando o chão.  Dentre tantas experiências que passamos durante nossa vida terrena, algumas deixam fortes traços em nosso ser e existência, ou como melhor retratou o poeta são “marcadas com fogo para jamais nos esquecermos”. Foi assim que vi, ouvi e testemunhei a Romaria dos Mártires da Caminhada nos dias 16 e 17 de julho de 2016 em Ribeirão Cascalheira. O aspecto da caminhada sempre esteve presente na vida do Povo de Deus. Na experiência da América Latina isto se configurou mais forte ainda. Os romeiros e romeiras que participam desta romaria são pessoas de caminhada. Caminhada de grupos sociai