Relatório – 2º Dia do Seminário Nacional de Assessores das CEBs

Período da manhã:

Motivados com o texto do Êxodo e refletindo sobre a terra prometida como lugar de lutas, conquistas e com desafios que precisam ser superados, iniciou o 2° dia do Seminário de Assessores do 14° Intereclesial das CEBS em Londrina/PR.

Nesta manhã, Pedro Oliveira, assessor da CEBs trouxe a realidade da uma Igreja em saída, que se encontra paralisada. Porém, tornando possível sair dessa situação, se o projeto for assumido pelos bispos e contagiadas pelas pastorais sociais e comunitárias envolvidas com outros movimentos da Igreja, voltando o olhar para o pluralismo católico existente e criando espaços comum e coletivo para a mútua fecundação, que ajudam a superar preconceitos e formar laços afetivos.

Bendito Ferraro, assessor da CEBs complementou esta reflexão do julgar, ressaltando sobre a necessidade do ecumenismo como possibilidade de diálogo neste ambiente tão complexo, levando ao entendimento do ecumenismo não como ferramenta de estratégia e sim como espiritualidade em favor da paz. “É preciso se abrir a essa construção!”

Período da tarde:

“Na tarde do dia 26, a Irmã Tea continuou sua exposição sobre a missão de Paulo e suas habilidades em capacitar as comunidades cristãs a se defenderem das opressões e dominações do Império Romano.

Após, o Pe Vileci, a luz do Evangelho segundo João, expõe-nos elementos da comunidade do discípulo curado e a proposta do bem viver como desafio à missão das CEBs. O assessor Celso Cárias acentuou a importância da espiritualidade das CEBs como seguimento a Jesus Cristo e ao seu modo de ser e agir.

A avaliação dos diversos grupos acentuou a importância deste seminário trazendo muitos elementos para o julgar do 14° Intereclesial e questionamentos para maiores aprofundamentos nos próximos seminário regionais.”

Nome: Pe Nadir Luiz Zanchet
Cidade: Balsas
Regional: Nordeste V
Atuação: Membro da Equipe de Coord Regional das CEBs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.